João Pires

Joao_PiresJoão Pires nasceu em Lisboa, em 1977, no seio de uma família de músicos.

Iniciou a sua formação na Fundação Musical dos Amigos das Crianças com a violoncelista Irene Lima. Em 1995 ingressou na Academia Nacional Superior de Orquestra, licenciando-se em 2000, enquanto aluno de Paulo Gaio Lima. Foi premiado em edições dos Concursos da Juventude Musical Portuguesa.

Fez parte de diversas orquestras de jovens tendo atuado com estas formações em Portugal, Espanha, França, Itália e Reino Unido. Colabora assiduamente, com as Orquestras Gulbenkian, Metropolitana de Lisboa, Sinfónica Portuguesa, Sinfonietta de Lisboa, Sinfonia B, entre outras.

Integrou o corpo docente do Conservatório Regional da Covilhã, das Escolas da Metropolitana, da Academia de Música de Santa Cecília e da Fundação Musical dos Amigos das Crianças.

Na área da Música de Câmara, fundou o Quarteto Fernando Costa, tendo sido laureado no Prémio Jovens Músicos – RDP e também no concurso da Juventude Musical Portuguesa. Com esta formação participou em mais de uma centena de concertos em Portugal, Itália e Escócia no Aberdeen International Youth Festival. Integrou o Quarteto Lusíada. Atualmente é com o Alis Ubbo Ensemble, que também fundou, que desenvolve diversos projetos na área da música de câmara.

Colabora ainda com José Mário Branco, Amélia Muge, Camané, Rita Redshoes, David Fonseca, Patrick Watson & The Wooden Arms’s Blue,  Blue Trash Can, entre outros.

Foi responsável pela direção musical das seguintes peças teatrais encenadas por Paulo Sousa Costa: Casado à Força, Don Giovanni, Bela e o Monstro e Alice no País das Maravilhas.

Desde 2000 assumiu funções no Departamento de Produção da Metropolitana, sendo desde 2002 Coordenador do mesmo e Assessor da Direção da Metropolitana.

Frequentou a Licenciatura em História na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

Save