Violoncelo

aO VIOLONCELO é outro dos instrumentos da família das cordas friccionadas, juntamente com o violino, a violeta e o contrabaixo. À semelhança dos 3 últimos, também o violoncelo precisa de uma arco para ser tocado. As quatro cordas do violoncelo são afinadas por quintas, uma oitava abaixo da viola, nas seguintes notas: Dó 2, Sol 2, Ré 3 e Lá 3.

O violoncelo tem a maior extensão de dinâmicas de todos os instrumentos de corda, quando toca em piano, como em forte. A sua extensão em altura sonora também é bastante ampla. É um instrumento capaz de produzir timbres muito diferentes, que o aproximam muitas vezes da violeta, mas igualmente do violino. Pode ter uma função de baixo harmónico, como executar linhas muito melódicas.

Devido ao seu tamanho, o instrumentista segura o violoncelo entre as pernas e assenta o espigão apoiado no chão para tocar.

cello3O formato padrão que agora conhecemos do violoncelo foi estabelecido por Stradivarius em 1680. E foi a partir dos Concertos Espirituais de Boccherini, que o violoncelo passou a ser tratado como um instrumento solista, e não apenas como um instrumento integrante dos naipes mais graves das cordas da orquestra.


Para ouvir:

excerto de J. HAYDN, Concerto para violoncelo e orquestra, Hob.VIIb:2: III. Allegro
P. I. TCHAIKOVSKY (1840-1893), Variações sobre um Tema Rococó, Op. 33: VI. Andante
M. FALLA (1876-1946), “Firedance” para violoncelo e harpa

 

 

Save

Save

Save